Como Regularizar CPF: Passo a Passo da Receita Federal

Sabia que estar com o CPF irregular pode lhe causar algumas restrições?! Por isso, é de suma importância que você esteja com todas as informações atualizadas. Ainda não sabe como regularizar CPF? Então continue nos acompanhando, pois neste post explicaremos de forma clara e rápida como regularizar CPF

Como Regularizar CPF

Como Regularizar CPF

O que é CPF irregular? 

Todos os benefícios concedidos pelo Governo Federal solicita o número do CPF do cidadão. Estar com esse documento regularizado é de suma importância para não sofrer nenhum tipo de restrição no momento do cadastro. 

✓  Veja mais informações sobre o Auxílio Emergencial:

O CPF pode se encontrar em situação “Suspensa” devido à muitos casos, sendo o principal deles a falta de informações. Na maioria dos casos, este documento fica nessa situação “suspensa” quando o cadastro está com informações incorretas ou incompletas.

Ele também pode ficar na situação cadastral “Pendente de Regularização”. Essa situação é quando o contribuinte deixa de entregar alguma Declaração do Imposto Renda da Pessoa Física (DIRPF) dos últimos cinco anos. Neste caso, para regulariza basta apenas entrega a declaração pendente. 


Motivos de irregularidade do CPF 

Assim como já mencionamos neste post, o CPF irregular pode levar algumas restrições no momento em que o cidadão for fazer algum cadastro. 

Os motivos mais frequentes desse erro no cadastro do Auxílio Emergencial são:

  • Mudança de nome devido a casamento, divórcio e entre outros;
  • Mudança de endereço;
  • Inclusão ou exclusão de nome social (somente para pessoas travestis e transexuais);
  • Inclusão de título de eleitor, como por exemplo as pessoas que não eram obrigada a possui o CPF na época de inscrição;
  • Dados informados errados na inscrição;
  • Dados pessoais incompletos. 

Desse modo, é importante regularizar rapidamente o seu CPF, caso contrário, não será possível emitir o pagamento do CoronaVoucher.


Como saber se o CPF está irregular? 

Antes de saber como regularizar CPF é de suma importância que você confira se seu documento está realmente nesta situação. Para isso, a Receita Federal disponibiliza em seu site oficial uma área onde é possível consultar essa informação sobre o auxílio emergencial.

Para que você possa realizar este procedimento de forma rápida, elaboramos um passo a passo super simples. Confira a seguir:

  • Acesse o site oficial da Receita Federal;
  • Nesta página, selecione a opção “CPF”, no quadrado azul que aparece na parte superior central do site;

  • Feito isso, será aberta uma nova janela onde você deverá clicar em “Comprovante de Situação Cadastral no CPF”, que fica na aba “Serviços em destaque”;

  • Novamente uma nova janela será aberta. Informe o número do seu CPF e a data de nascimento. Em seguida, clique na caixa “Não sou um robô”;

  • Feito isso, selecione a opção “Consultar”;
  • Agora você terá acesso a todas as informações necessárias, bem como se o seu CPF está regular ou não. 

Passo a passo de como regularizar CPF

Caso você esteja com alguma restrição devido a irregularidade do CPF, saiba que é possível atualizar os dados cadastrais de forma online e totalmente gratuita.

Todo o procedimento é feito no site oficial da Receita Federal. O mesmo serve para as pessoas que estão com situação cadastral suspensa. 

Siga as instruções abaixo e saiba como regularizar CPF:

  • Acesse o site→ Clicando aqui;
  • Selecione a opção “CPF”;
    Como Regularizar CPF
  • Será aberta uma nova janela, onde você deverá clicar em “Regularizar Cadastro CPF”;
  • Clique no link que aparece na aba “Onde solicitar a alteração”;
    Como Regularizar CPF
  • Agora preencha o formulário com todos os dados solicitados pelo sistema;
    Como Regularizar CPF
  • Com os campos preenchidos, clique em “Enviar”.

Feito isso, a página deverá mostrar uma mensagem de confirmação da alteração dos dados, que é instantânea, segundo a Receita Federal. 

Avalie este artigo

Avaliação média: 4.86
Total de Votos: 7

Como Regularizar CPF: Passo a Passo da Receita Federal